COMO MELHORAR SUA IMPRESSÃO 3D COM USO DE PILAR E RETRACT.

O número de pessoas interessadas em comprar uma máquina de impressão 3D, especificamente a maquina de FDM (Para saber mais sobre esta tecnologia Clicar aqui), vêm crescendo a cada ano. Da mesma forma muitos dos que compram uma tecnologia dessas, ao colocar uma peça para imprimir, ficam desapontados com a qualidade de acabamento do objeto que fabricaram.
Você sabia que a qualidade do acabamento de uma peça pode depender de como foi planejado o caminho que a sua impressora (Extrusor) traçará para fabricar essa peça?
Como tudo na vida é melhor executado com um bom planejamento, a fabricação de um objeto em uma impressora 3D não poderia ser diferente, não é mesmo?
O planejamento do caminho que a impressora 3D fará para fabricar um objeto é muito importante por diversos motivos: Pode levar a uma redução no tempo de fabricação, pode acarretar em uma maior qualidade no acabamento da peça final, minimizar gastos com material, Aumento da resistência da peça final, evitar erros de impressão, entre outros.
Em conclusão o planejamento do caminho traçado para fabricação de um objeto, de qualquer tipo, resultará na otimização da fabricação do objeto escolhido.
FERRAMENTAS PARA UMA MELHOR IMPRESSÃO 3D
Através da importância do planejamento de fabricação diversas pesquisas vêm sendo desenvolvidas para buscar métodos e estratégias de traçado de trajetórias para a fabricação de diversos tipos de objetos.
Cabe ressaltar que nem toda estrategia ou ferramenta de auxílio de fabricação servirá para qualquer tipo de objeto ou qualquer objetivo. Cada tipo ferramenta possui vantagem em uma determinada gama de objetos. Pois determinadas estratégias servirão para melhorar o acabamento de uma peça, porém poderá resultar em um maior tempo de fabricação.
As estratégias que vamos citar neste post são o Pilar e o Retact.
O pilar é uma estratégia de fabricação que proporciona um acabamento mais refinado para peças peças com muito detalhes ou pontas. Ele consiste na fabricação de um pilar do lado da peça que se deseja fabricar. Esta estratégia tem a função de resfriar a camada e limpar o material do bico, que pode estar em inicio de degradação. Um exemplo de peça que o acabamento fica melhor é a taça apresentada na figura abaixo. Pois o cabo é muito fino e cheio de detalhes que sem o auxilio do pilar deformariam devido às altas temperatura do bico.

Já o Retract além de melhorar o acabamento da peça, reduz a perda de material. Esta ferramenta consiste no movimento do motor em sentido contrário ao da extrusão durante um período curto de tempo. O objetivo desta estratégia é aliviar a pressão no material líquido no bico de extrusão.
Como resultado, a extrusão para quase que instantaneamente, reduzindo ou eliminando cordões (strings) gerados quando o bico se desloca de um lado para outro em espaços no qual não se deve depositar material.
TESTANDO NA PRÁTICA
Neste post vamos ensinar a melhorar as impressões utilizando método prático. Para cada tipo de peça que você vai fabricar ,faça uma tabela com as configurações da impressão de calibração. Desta forma, quando você for imprimir outra peça similar, você pode utilizar os valores de configuração desta peça referência.
Para as melhorias que vamos trabalhar hoje, utilizaremos a) mini torre Elfel para exemplificar a utilização do Pilar; b) cilindros em paralelo.
Porque? A mini torre Elfel apresenta geometrias pequenas e uma região tirante vertical. Com isto, tem alta incidência de problemas de sobre-aquecimento e deformação
Os pilares em paralelo serão utilizados por serem geometrias que apresenta somente 2 voltas de contorno. Desta forma, sendo um teste de calibração rápido, além de evidenciar problemas de reinicio de extrusão que retract pode causar.
Porque do uso do pilar?
Como comentado anteriormente, as geometrias pequenas e tirantes verticais implicam em sobreaquecimento da peça e deformadação da peça durante impressão. Ou seja, isto acontece porque o plastico que foi depositado na camada não teve tempo o suficiente para resfriar antes do inicio da outra camada.
Vamos apresentar 2 casos de impressão com exatamente as mesmas condições e configurações:

1) teste 1
Ø bico: 0.4mm
altura de camada 0,1mm
velocidade 20mm/s
suporte em 88°
Pilar:não
2) teste 2
Ø bico: 0.4mm
altura de camada 0,1mm
velocidade 20mm/s
suporte em 88°
Pilar: sim
Porque do retract ?
Um dos "defeitos" comuns em impressões 3D são as teias de aranha ou strings. Isto acontece quando material derretido continua saindo do bico mesmo quando paramos de extrudar. Por isso, o retract permite que no momento que a impressora para de extrudar, o filamento seja puxado, "sugando" um pouco o plástico derretido de dentro do bico e parando quase que imediatamente a extrusão indesejada.
Neste teste, iremos mostrar qual é o efeito do comprimento de retract. Foram feitos 3 testes com exatamente a mesma configuração, condições e máquina.
1) teste 1
Ø bico: 0.4mm
altura de camada 0,1mm
velocidade 40mm/s
suporte:não

comprimento de retração:sem retração
Pilar:não
2) teste 2
Ø bico: 0.4mm
altura de camada 0,1mm
velocidade 40mm/s
suporte:não
comprimento de retração:1mm
Pilar:não
3) teste 3
Ø bico: 0.4mm
altura de camada 0,1mm
velocidade 40mm/s
suporte:não
comprimento de retração: 6mm
Pilar:não
Além do rectract, a temperatura de extrusão, tipo de material, e sistema de refrigeramento de bico também afeta a geração de strings, mas esta configuraçao iremos discutir em outro post.
Segue vídeo sobre os exemplos citados.

Source: Tudo Sobre Impressoras 3D

Deixe uma resposta

Fechar Menu